PUBLICIDADE
CIDADES
Projeto Plantas e Peixes inicia construção de pista para equoterapia em parque sustentável
O Projeto visa atender crianças com síndrome de Down e autismo, buscando o desenvolvimento biopsicossocial
Assessoria de Imprensa PMM
02/06/2021
Projeto Plantas e Peixes inicia construção de pista para equoterapia em parque sustentável - Foto: Divulgação

Mais um grande projeto está sendo iniciado no Centro de Educação Ambiental Sustentável, construído no Bairro Montana 2, zona norte do município. O espaço para equoterapia teve sua terraplenagem iniciada e objetiva atender crianças com síndrome de Down e autismo, auxiliando os praticantes a desenvolverem capacidades funcionais que permitam sua independência, ou amenizem as limitações nas atividades diárias.

A equoterapia realizada com cavalos serve para estimular o desenvolvimento da mente e do corpo. Ela complementa o tratamento de indivíduos com deficiências ou necessidades especiais, como a síndrome de Down, paralisia cerebral, derrame, esclerose múltipla, hiperatividade, autismo, crianças muito agitadas ou com dificuldade de concentração, por exemplo.

O projeto visa atender crianças com síndrome de Down e autismo, buscando o desenvolvimento biopsicossocial, através de método terapêutico e educacional, que utiliza o cavalo dentro de uma abordagem multidisciplinar e interdisciplinar, nas áreas de saúde, educação e equitação.

Carlos Eduardo dos Santos, o Coelho da Aquaponia, idealizador do projeto, destaca a importância desta terapia aos pacientes que necessitam deste tipo de tratamento.

“É uma ótima opção terapêutica principalmente para crianças com necessidades especiais, pois os exercícios realizados no cavalo alteram a resposta do sistema nervoso central e permite melhora na postura e na percepção do movimento. Os benefícios da equoterapia refletem no desenvolvimento do afeto, devido ao contato da pessoa com o cavalo. Estimulam a sensibilidade tátil, visual e auditiva, melhora da postura e do equilíbrio. Ainda, aumenta a autoestima e a autoconfiança, promovendo a sensação de bem-estar. Melhora o tônus muscular e permite o desenvolvimento da coordenação motora e percepção dos movimentos. Além disso, a equoterapia faz com que a pessoa se torne mais sociável, facilitando o processo de integração nos grupos, o que é muito importante”, disse o idealizador do projeto.

O Projeto Plantas e Peixes está sendo construído na rua Waldir Bento Félix, 417, Jardim Montana 2, zona norte da cidade, e tem por objetivo desenvolver ações que promovam a sustentabilidade e permitam à interação do ser humano com a natureza, mantendo o equilíbrio ambiental e a harmonia necessária para preservação e bom uso dos recursos naturais.

Mais de Cidades
PUBLICIDADE
© 2021 YesMarilia - Notícias, entretenimento e prestação de serviços. Todos os direitos reservados