PUBLICIDADE
CIDADES
Secretarias e Comtur fazem visita técnica no Boque Municipal
Comissão de especialistas foi formada por urbanistas, ambientalistas e empresários do setor de turismo
Assessoria
24/02/2021
Bosque municipal - Foto: Divulgação

Representantes da Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico e da Secretaria Municipal do Meio Ambiente e de Limpeza Pública, junto com o Comtur (Conselho Municipal de Turismo), estiveram no Bosque Municipal Rangel Pietraroia para uma visita técnica na última quinta-feira, dia 18.

O objetivo da reunião foi fazer um levantamento das principais necessidades de melhorias para que o Bosque atraia ainda mais visitantes.

Marília foi classificada como MIT (Município de Interesse Turístico), através da lei estadual n° 16.938, de 26/02/2019 e, por isso tem direito a receber recurso do governo estadual, anualmente, para incremento da atividade turística da cidade.

“Ainda estamos no aguardo da liberação da verba de 2021, pois com a situação de pandemia, a Secretaria Estadual de Turismo ainda não confirmou, porém seguimos otimistas e estudando projeto para investimento no nosso Bosque, que é tão bonito, rico em vegetação e com potencial enorme”, disse o secretário municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, Nelson Mora.

Para o presidente do Comtur, Gilberto Rossi, a comissão de especialistas que esteve no encontro, formada por urbanistas, ambientalistas e empresários do setor de turismo, teve a oportunidade de iniciar uma discussão sobre o próximo projeto MIT e alguns pontos chave foram levantados, como a necessidade de preservação e manutenção da mata e do lago, criação de áreas de convivência mais agradáveis e atrativas e a possibilidade de levar a temática dos dinossauros para dentro do Bosque. “Consideramos o Bosque Municipal como estratégico para complemento da oferta turística da cidade e para o lazer da população local”, afirmou.

O prefeito Daniel Alonso lembrou que o Bosque já recebeu algumas melhorias na gestão passada. “Fizemos o recape da pista de Cooper e algumas outras benfeitorias em outros locais do Bosque, como o Centro de Educação Ambiental. Esta visita técnica é de suma importância, pois saberemos exatamente o que mais precisará ser feito para que o Bosque seja ainda mais atrativo para a população mariliense.”

Como parte do programa dos Municípios de Interesse Turístico, a Prefeitura de Marília, através da Secretaria Municipal do Trabalho, Turismo e Desenvolvimento Econômico, está reestruturando o Museu de Paleontologia, com recurso do Dadetur (Departamento de Apoio ao Desenvolvimento dos Municípios Turísticos), cuja previsão de término é em junho de 2021.

Mais de Cidades
PUBLICIDADE
© 2022 YesMarilia - Notícias, entretenimento e prestação de serviços. Todos os direitos reservados