PUBLICIDADE
SALA DE IMPRENSA
Nutrição no envelhecimento é tema de encontro virtual
Marcio C. Medeiros
02/02/2021
Encontro virtual com Ana Júlia Azevedo debateu hábitos alimentares com idade avançada - Foto: Arquivo: Alimentação 020221

Visando orientar a comunidade em geral e os próprios rotarianos, aconteceu através de plataforma eletrônica, encontro semanal ordinário do Rotary Club de Marília-Pioneiro, no Distrito 4510 do Rotary International, na região centro-oeste do interior do Estado de São Paulo, quando o tema: “Nutrição no envelhecimento” foi exposto pela nutricionista, Ana Júlia de Azevedo, que teve a oportunidade de mostrar aos participantes virtuais a importância de se preocupar com a alimentação no período com idade avançada. “Através da alimentação que fazemos, é possível prever situações do futuro”, disse a especialista que fez uma exposição bem detalhada e posteriormente conversou com os participantes de forma bem descontraída. “O primeiro passo é querer mudar e depois, lentamente, mudar hábitos na alimentação básica”, ensinou.

Dentro da programação de atividades virtuais voltadas para a comunidade, o encontro foi o tema central da reunião semanal, através da Plataforma Google Metting. “Estamos procurando intercalar assuntos rotários e sociais, como forma de dinamizar nossos encontros”, disse a presidente do Rotary Club de Marília-Pioneiro, a funcionária pública, Maura Amábile Betti Fagundes de Queiroz, que já programou para o próximo dia 08, segunda-feira, encontro virtual sobre a Imagem Pública do Rotary, com o radialista Gesner Dias Júnior, associado ao Rotary Club de Presidente Prudente, atual coordenador distrital da Imagem Pública no Distrito 4510 do Rotary International. “Certamente neste dia teremos mais rotarianos participando”, falou a presidente do clube rotário mariliense.

Ana Júlia Azevedo procurou apresentar detalhes relacionados a ocorrência de idosos obesos, sobrepesos e desnutridos, bem como sobre doenças associadas à obesidade e a desnutrição; alimentação e qualidade de vida e as alterações fisiológicas do corpo com o envelhecimento. Hábitos alimentares e qualidade de vida também foram o foco do encontro que apresentou o uso correto de vitaminas e minerais na saúde do idoso. Dicas para uma alimentação saudável foram apresentadas com foco na alimentação e imunidade. “Uma alimentação saudável na longevidade deve ser uma preocupação de todos”, enfatizou a especialista que foi bem agradável em mensurar situações próprias de uma reunião de trabalho com refeição. “No Rotary sei que isso é bem comum, e o cardápio deve ser bem específico, afinal, é um refeição rápida e com atividades paralelas”, falou ao sugerir uma série de alimentos apropriados para este tipo de situação de fácil digestão. “Muitas vezes a irritação de uma pessoa é por falta de alimento”, falou.

A necessidade de atividades físicas também foi destacada pela nutricionista, no sentido de ajudar no metabolismo e digestão. “Atividade leves, como simplesmente andar, ajuda a movimentar os órgãos que passam a trabalhar mais e melhor”, falou ao apontar o equilíbrio como sendo a meta principal de qualquer pessoa que queira ter uma alimentação saudável. Os comportamentos entre veganos e vegetarianos também foram conversados, da mesma forma o uso racional de suplementos alimentares e o consumo de cafés e chás em reunião de trabalho. “O caminho é o uso natural dos alimentos, com dose equilibradas e o mais variado possível”, ensinou Ana Júlia Azevedo que orientou os participantes a lerem de forma correta as etiquetas de remédios e suplementos. “Tudo é relacionado com o peso da pessoa”, falou ao mostrar fórmulas de mensuração individual quanto as doses ideais de pessoa para pessoa. “Sal e açúcar devem ser combatidos sempre”, disse por diversas vezes.

Mais de Sala de Imprensa
PUBLICIDADE
© 2021 YesMarilia - Notícias, entretenimento e prestação de serviços. Todos os direitos reservados